Cases de Sucesso

  • Grupo PDG

    • Segunda maior incorporadora do Brasil. Faz parte do grupo as empresas PDG, Goldfarb, ASA e CHL.

    • Necessidade de gerenciamento do Callcenter e interligação das unidades.

    • Foram implantados quase 1500 ramais IP.

    • Implantação de solução de Callcenter, que corresponde a cerca de 80% do tráfego de ligações.

    • Interligação das unidades da CHL Rio, PDG Rio, PDG SP, Goldfarb Campinas e Goldfarb SP, realizando ligações a custo zero entre elas.




  • Animale

    • Fundada em 1991, conta com 50 lojas próprias e 350 pontos de venda em todo o Brasil

    • Necessidade de redução de custos e interligação das unidades

    • Foram implantados 300 ramais IP em 4 unidades diferentes (Escritórios Animale e Farm)

    • Conexão gratuita dos ramais com celulares Nextel via PTT

    • Ligações a custo zero entre todas as lojas do Brasil

  • Valda

    Fábrica da Valda A empresa
    Inventadas em 1902 pelo farmacêutico Henri Canonne, as pastilhas Valda foram um dos primeiros produtos farmacêuticos industrializados.

    A fábrica que está instalada em um terreno de 10.000m² no bairro de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, foi construída em vários níveis, somando 7.500m² de área construída, e foi concebida especialmente para atender as exigências de fabricação com alta performance tecnológica.

  • Valda

    Necessidades
    A idéia inicial da Valda era redução de custos e não ficar dependente de centrais PABX instaladas pelas operadoras telefônicas. Com uma média de 120 ramais, a primeira necessidade a ser considerada era a de se utilizar o mesmo código de operadora para realizar as ligações.

    Com a central anterior, o administrador não tinha acesso às configurações e aos relatórios de chamadas realizadas. Se o usuário utilizasse o código de uma operadora que não era a determinada pela Valda, a ligação era completada com o código discado.

  • Valda

    A solução
    Já com o Phone2B instalado, indepentemente do código de operadora discado pelo usuário, as ligações são feitas sempre utilizando a operadora que fornece o serviço de E1 para a empresa, reduzindo significativamente o custo com ligações interurbanas e internacionais, sem a necessidade de qualquer alteração no procedimento no processo de discagem por parte dos usuários.

    Além disso, a empresa iniciou um projeto pioneiro, onde foram contratados deficientes físicos para trabalharem de suas casas efetuando ligações para clientes. O Phone2B trabalhou em paralelo com o sistema desenvolvido para este projeto efetuando automaticamente as ligações para estes clientes, sem a necessidade do cadeirante discar qualquer número.

  • Cabletech

    Fábrica da Cabletech A empresa
    Fundada em 1995, a Cabletech é referência no segmento de Cabos Coaxiais.

    Instalada estrategicamente desde 2005 em seu novo Parque Industrial na cidade de Caçapava no estado de São Paulo às margens da Rodovia Carvalho Pinto, com amplas edificações em uma área de 205.000 metros quadrados, a Cabletech possui laboratórios de última geração e alta Capacidade de Produção de Cabos Coaxiais.

    Atende assim todo o Território Nacional e exportando para o continente Africano, Europa, América do Norte e Mercosul.

  • Cabletech

    Necessidades
    A empresa tinha como principais necessidades a interligação de seus escritórios e laboratórios, e a facilitação da comunicação com colaboradores que estivessem fora da empresa.

    A Solução
    O Phone2B foi implementado com a finalidade de segmentar a telefonia das unidades, que mesmo utilizando apenas 1 Phone2B, conseguem falar entre si e o controle e monitoramento podem ser realizados isoladamente para cada empresa. A URA unificada com ramificações para as empresas do grupo foi totalmente configurada pelo gerente de TI da empresa, que também administra este Phone2B. Os relatórios e extratos são gerados por centro de custo, facilitando ainda mais a administração da telefonia. Ramais remotos são utilizados por todos os diretores, compradores e vendedores que sempre estão em viagem, home office ou escritórios remotos.

    A economia na conta telefônica foi apenas mais um benefício que o Phone2B trouxe para o grupo, que inicialmente visava apenas as necessidades supridas acima.

  • Enesa Engenharia

    Obras da Enesa A empresa
    Fundada em maio de 1977, a ENESA Engenharia S.A. é uma empresa nacional, voltada a soluções de engenharia construtiva, atuando nos grandes empreendimentos do país, nas áreas de Petróleo, Petroquímica, Energia, Siderurgia, Metalurgia, Transporte, Cimento, Mineração, Fertilizantes, Papel e Celulose e Sucroalcooleira.


    Necessidades
    A Enesa engenharia desejava reduzir os custos em ligações externas e interligar suas filiais.

  • Enesa Engenharia

    A solução
    Após a análise das necessidades do cliente, a equipe comercial e técnica da Phone2Business projetou a solução ideal: foram instalados os produtos Phone2Corp e Phone2Bridge, channelbanks, IP Phones e softphones, totalizando 400 ramais IPs, 4 troncos E1 e 8 linhas analógicas, interligando o escritório central (São Paulo) com o depósito (São Paulo) e 3 filiais (Rio de Janeiro e São Luis do Maranhão). Com isso a comunicação e a produtividade do cliente se tornou muito maior.

    A redução de custo foi vista já na primeira avaliação, pois além desta interligação, utilizam também operadora VoIP para ligações Interurbanas e Internacionais. O Phone2Business, além de suprir suas necessidades com total competência, disponibilizou uma série de outras funcionalidades, poupando tempo e serviço do administrador da telefonia na Enesa.

    A Reunião virtual é um dos recursos mais utilizados pelos diretores da empresa, pois os diretores podem organizar e controlar melhor suas áudioconferências.